Área Exclusiva: 
O Repórter Regional - Prédios na orla da praia será tema discutido em 2014
17/12/2013
Prédios na orla da praia será tema discutido em 2014

No final do ano de 2014, aqueles que vierem à Peruíbe, poderão encontrar uma nova paisagem na orla da praia: o surgimento dos grandes prédios de apartamento. Isso porque nos próximos meses, uma nova discussão tomará conta da cidade: a liberação ou não de edifícios em frente ao mar. Desde 2008, com o atual Plano Diretor, a lei permite a construção de grandes prédios apenas em alguns trechos da cidade, especialmente entre as avenidas Padre Anchieta e Luciano de Bona e da Luciano de Bona até a rodovia Padre Manoel da Nóbrega. Na orla, apenas empreendimentos com até 15 metros de altura.

Em novembro, o jornal O Repórter Regional noticiou a criação de uma comissão criada pela Prefeitura Municipal de Peruíbe com o objetivo de se alterar o Código de Obras e também se propor um novo Plano Diretor para a cidade. E entre os integrantes da comissão, existem pessoas interessadas na liberação de prédios na orla e outras contrárias à alteração da lei. Mas para que se efetive a mudança, a proposta terá que ser aprovada pela comissão, porteriormente votada pelos vereadores na Câmara, e passar por um plebicito popular.

Entre as associações que fazem parte da comissão, está a AEAP (Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Peruíbe), e se depender do seu presidente Alexsandro Betarelli a mudança não ocorrerá.

"Até mesmo por conta de todos os princípios urbanísticos, eu sou totalmente contra. E os colegas (engenheiros e arquitetos) também." garanteo presidente da associação Alexsandro Betarelli.

Independente de haver ou não essa alteração, seis novos lançamentos já foram aprovados pela Secretaria Municipal de Obras para o próximo ano e alguns inclusive já estão a venda na planta.

O centro da cidade tem sido um dos locais mais procurados pelos investidores na hora de levantar edifícios. Só na rua Taquaritinga, que dá acesso ao supermercado Extra, e na rua Porfírio Diogo Santana, que dá acesso ao Centro de Convenções, há dois empreendimentos em cada via, entre recém construídos, em acabamento ou com terreno comprado para começar a construção. Já rua Padre Leonardo Nunes, ao lado da Associação Comercial e Empresarial de Peruíbe (ACEP), um novo edifício também está com obra a todo o vapor.

Vale lembrar, que todos estes empreendimentos têm surgido dentro da atual lei, servindo como forte argumento para provar que Peruíbe pode muito bem crescer para o alto, sem necessariamente mudar uma das principais características da orla de Peruíbe: a exclusividade que o prédio redondo tem que ser o único grande edifício a beira-mar.

Fonte: O Repórter Regional

Mais de O Repórter Regional

Ver Todas

Parceiros

Ver [+]

Apoio: